Bem vindes as nossas salas de espetáculos!!!!!

E nestes tempos onde você não pode ir até o teatro, FarOFFa no Sofá os traz até você. 
Nossas salas de exibição levam o nome de 4 importantes espaços culturais do país: Sala Galpão Cine Horto (sede do Grupo Galpão), Sala Teat(R)o Oficina (sede do Teatro Oficina Uzyna Uzona), Sala Teatro Vila Velha (sede do Bando de Teatro Olodum) e Sala Terreiro Contemporâneo (sede da Cia Rubens Barbot Teatro de Dança).

Conheça um pouquinho de cada espaço, se ajeite em seu sofá, apague a luz e meeeerrrrrdaaaa... o espetáculo já vai começar!

Clique no nome da sala e assista a programação

Desde 1998, o centro cultural criado e gerido pelo Grupo Galpão é um espaço de aberto à comunidade, comprometido com a pesquisa, a formação, o fomento e o estímulo à criação em teatro.
Situado na Rua Pitangui, no Horto, em Belo Horizonte, esse antigo cinema da década de 50, abriga uma sala de espetáculos multimeios, uma sala de cinema e vídeo, salas de aula e um Centro de Pesquisa e Memória do Teatro, que reúne um importante acervo bibliográfico e videográfico disponível gratuitamente a seus associados.
O Galpão Cine Horto tem consolidado sua relação com a cidade, os artistas e o público, promovendo o acesso ao universo do teatro, contribuindo para a sensibilização artística e desenvolvimento da consciência crítica do cidadão, além de estabelecer parcerias, criando redes de colaboração com grupos nacionais e internacionais

Carinhosamente apelidado por Vila e localizado na famosa Avenida Sete, no bairro de Campo Grande, Salvador, o Teatro Vila Velha foi inaugurado em 1964. 
Palco de grandes shows e espetáculos, o Teatro Vila Velha também abrigou movimentos sociais como a luta estudantil de 1970.
No Vila encontramos uma sala principal, que pode adotar diversas configurações e é palco para espetáculos, shows, seminários e o que mais quisermos. Lá encontraremos ainda o Cabaré dos Novos, um café-teatro onde também se realizam espetáculos, 2 salas de ensaio e um foyer. 
Atualmente 4 grupos residentes ocupam o teatro.

Terreiro Contemporâneo
Situado no coração do Rio de Janeiro, na Carlos de Carvalho, no Centro, o Terreiro Contemporâneo abriga em seu casarão de 5 andares muita arte e cultura desde 2012. 
Além de oferecer à toda comunidade espetáculos e todos os tipos de eventos, conta com 6 residências artísticas de grupos e coletivos de teatro, dança e música ocupando a casa.
Em 2020, Terreiro Contemporâneo recebeu o Prêmio Shell na categoria Inovação por abrigar companhias de teatro e dança negras e periféricas, constituindo um quilombo urbano.

Palco de lançamento do Tropicalismo, do movimento antropofágico de Oswald de Andrade, Teatro Oficina é o lar da companhia de teatro Uzyna Uzona, liderada por José Celso Martinez Corrêa.

Localizado no coração de São Paulo, no Bexiga, o prédio atual, inaugurado em 1993, após o incêndio da antiga sede da companhia, em 1966, foi projetado em 1991 pela arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi em conjunto com Edson Elito.
Palco de históricas peças da companhia e de outros espetáculos de todo o Brasil , o prédio foi eleito o Melhor Teatro do Mundo na categoria "projeto arquitetônico" pelo The Observer, o jornal dominical do The Guardian, em 2015.

Nas palavras de Rowan Moore, o Teat(R) Oficina é  "um espaço longo e estreito como uma rua em uma envoltória queimada de um antigo teatro que é assistido por uma empena de galerias construídas com andaimes,..., tem ângulos de visão desafiadores, assentos duros e uma forma que é exatamente a que os teatros não deveriam ter, mas é tanto mais intenso precisamente por isso."

Dentre todos os espaços homenageados, Teat(R)o Oficina é nosso teatro mais antigo, completando no dia 16/8, 62 anos de existência.